mulher maravilha

"Mulher-Maravilha" desbancou o filme que uniu Homem de Ferro, Capitão América e Homem-Aranha, e se tornou a quinta produção de super-heróis mais vista da história.

Com aproximadamente US$ 410 milhões arrecadados nos cinemas americanos, o longa superou os US$ 409 milhões faturados por "Homem de Ferro 3" e os US$ 408 milhões ganhos por "Capitão América: Guerra Civil", duas das produções mais lucrativas da Marvel.

O filme da heroína ficou atrás de "O Cavaleiro das Trevas Ressurge", que faturou US$ 448 milhões e de "Vingadores: Era de Ultron", com US$ 459 milhões arrecadados. O primeiro lugar da lista é ocupado por "Os Vingadores", com US$ 623,3 milhões, seguido por "O Cavaleiro das Trevas", com US$ 534,8 milhões arrecadados.

"Mulher-Maravilha" ainda conseguiu se tornar a vigésima maior bilheteria estadunidense de todos os tempos, seguindo sucessos como "O Rei Leão" e "Toy Story 3".

Em 2017, o filme continua como o segundo maior do ano, atrás de "A Bela e a Fera", que faturou US$ 504 milhões.

O longa se tornou a maior bilheteria no mundo de um filme com atores dirigido por uma mulher. Para dirigir a continuação, Patty Jenkins exigiu receber pagamento proporcional ou superior ao de um diretor homem e pode se tornar a diretora mais bem paga.

A sequência do filme da heroína chega aos cinemas americanos em 13 de dezembro de 2019 e Gal Gadot voltará a viver a protagonista.

Enquanto isso, os fãs de Diana Prince poderão vê-la no cinema ainda este ano no filme "Liga da Justiça", ao lado de Jason Momoa (Aquaman), Ben Affleck (Batman), Ezra Miller (Flash) e Henry Cavill (Super-Homem). O longa estreia no Brasil em 16 de novembro. (Folhapress)

Confira o trailer:

Leia mais:

 

 

 

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA