logomarcadiariodegoias2017

b_600_0_16777215_00_images_stories_imagens_2018_1_janeiro_ple.jpeg

Começa nesta segunda-feira (15) e segue até o dia 10 março o período para cadastro e recadastro no Passe Livre Estudantil (PLE). A Secretaria de Governo, por meio da Superintendência da Juventude, chama atenção aos prazos para que os alunos não percam o direito ao benefício.

Os estudantes cadastrados no PLE têm direito a 48 viagens mensais não cumulativas referentes a ida e volta diária da instituição de ensino.

Goiânia, Região Metropolitana, Anápolis e Rio Verde

Para fazer o cadastro ou recadastro, o interessado que mora em Goiânia ou na Região Metropolitana da capital deve entrar no site da Superintendência da Juventude com os documentos pessoas e cartão do Passe Escolar em mãos e preencher o formulário de inscrição.

O aluno que solicitar o benefício pela primeira vez deve ficar atento e preencher o campo que especifica a unidade Vapt Vupt em que deseja buscar sua carteirinha, que fica pronta após 10 dias corridos. Quem já é cadastrado no programa realizará a atualização de dados apenas online.

Já os estudantes dos municípios de Rio Verde e Anápolis devem fazer o cadastro presencialmente. O solicitante deve comparecer, primeiramente, à empresa de transporte da cidade (Paraúna em Rio Verde e Urban em Anápolis), iniciar o cadastro e finalizá-lo na unidade Vapt Vupt escolhida portando documento de identificação e o cartão Passe Escolar.

PLE

De acordo com o superintendente da Juventude, Leonardo Felipe, para 2018, o orçamento para o PLE, que tem livre demanda de estudantes, será de R$ 90 milhões, valor que já prevê o aumento no valor da passagem do transporte coletivo de R$ 3,70 para R$ 4,05.

Segundo Leonardo Felipe, para que os estudantes não fiquem sem passagens no cartão para o início do ano letivo, os depósitos serão feitos de forma fracionada de acordo com o volume de cadastros e recadatros realizados. “Será pago no início de fevereiro para quem se cadastrar até o dia 31 de janeiro e depois serão feitos pequenos pagamentos até o dia 10 de março, a medida que os estudantes forem se cadastrando, não vamos esperar o final do prazo para pagar”, disse ele.

O superintendente reforça que o pagamento do PLE é realizado até o 10º dia útil do mês, o que não significa o dia 10. Questionado sobre reclamações de estudantes que dizem não receber as passagens de forma correta, Leonardo Felipe afirmou que “100% dos estudantes cadastrados no programa recebem o benefício”. De acordo com ele, não há erro nos comparativos da Segov, e nessa situação, os erros são improváveis.

Ele afirma que os estudantes recebem o crédito das passagens conforme utilizam. Por exemplo, se o aluno recebeu 48 passagens em um mês e usou apenas 10, no mês seguinte receberá apenas as 10 que usou, por já ter outras 38 no cartão.

Crédito adicional

Os estudantes que precisarem de mais passagens devem acessar o site de Superintendência da Juventude e realizar a solicitação do crédito adicional. De acordo com Leonardo Felipe, se a solicitação estiver de acordo com as normas do programa, o aluno será contemplado com as demais viagens. Ele ressalta que estágios não curriculares não se encaixam no crédito adicional.

Catalão e Jataí

Os municípios de Catalão e Jataí devem ser os próximos a receberem o PLE. Conforme explicação do superintendente o sistema deve ser implantado nessas cidades em aproximadamente dois meses. Nessas localidades, os estudantes terão prazos diferenciados que serão divulgados posteriormente.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH