logomarcadiariodegoias2017

12 mandados de prisão já foram cumpridos (Foto: Instagram Polícia Civil de Goiás)
operacao liquido dourado ii

A Polícia Civil de Goiás realiza na manhã desta quarta-feira (10), a operação Líquido Dourado II. Na ação está sendo investigada uma quadrilha especializada no furto, roubo e receptação de combustíveis.

Até o momento, policiais civis da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Cargas (Decar) cumpriram 12 mandados de prisão. As ações contam com o apoio da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Detalhes serão apresentados às 11h, durante entrevista na sede da Decar, localizada na Rua 17A, Setor Aeroporto, em Goiânia.

Primeira fase da operação

Durante a primeira fase da ação realizada no início da setembro do ano passado, os prejuízos em relação aos combustíveis foram em torno de R$ 15 milhões. De acordo com a Polícia Civil, os motoristas dos caminhões eram coniventes e colaboravam para o furto e roubo dos produtos, que eram sugados por aparelhos vulgarmente conhecidos como chupa-cabras.

Leia mais sobre o assunto

Operação Líquido Dourado: prejuízos chegam a R$ 15 milhões

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA