logomarcadiariodegoias2017

Duas rebeliões ocorreram na unidade nesta semana (Foto: Reprodução)
rebeliao semiaberto

A Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) de Goiás determinou o afastamento da diretora da Colônia Agroindustrial do Regime Semiaberto no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, Edleidy Rodrigues, após a divulgação de um vídeo, que teria sido gravado dentro da unidade por detentos, no momento que um deles fazia aniversário. Duas rebeliões ocorreram nesta semana no local. Na primeira 242 presos fugiram, 14 ficaram feridos e 9 foram mortos.

O vídeo mostra detentos usando drogas no interior da unidade, durante o que parece ser uma comemoração de aniversário. O diretor-geral coronel Edson Costa Araújo determinou a abertura de sindicância para apurar a participação tanto de reeducandos quanto de servidores.

Até o encerramento da apuração, o servidor Álvaro Rosa Silva responderá interinamente pela unidade. A DGAP também acionou a corregedoria para investigar o que ocorreu.

Leia nota completa enviada pela Diretoria Geral de Administração Penitenciária

A Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP) informa que tomou conhecimento de vídeo, supostamente gravado dentro da Colônia Agroindustrial do Regime Semiaberto, no dia 1º/01/2018, onde reeducandos realizam atividades irregulares no interior da unidade.

Ao tomar conhecimento das imagens, o diretor-geral da DGAP, coronel Edson Costa Araújo, determinou a imediata abertura de sindicância para apurar participação, tanto de reeducandos quanto de servidores.

Determinou também que fosse elaborada uma Portaria adotando as seguintes medidas: afastamento da diretora da unidade prisional, Edleidy Rodrigues, até a apuração dos fatos; indicou outro servidor, Álvaro Rosa Silva, para responder interinamente pela unidade; e acionou a corregedoria para investigar o ocorrido.

O documento deve ser publicado na próxima segunda-feira (8/1).

Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)

Leia mais

Dez presos fogem da cadeia em Luziânia

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA