logomarcadiariodegoias2017

Foto/Divulgação
hgg foto divulgacao

Registrado em todo o Brasil, criminosos também estão tentando aplicar o golpe da UTI entre os pacientes do Hospital Estadual Alberto Rassi (HGG). Os golpistas ligam para as famílias dos pacientes e alegam que é preciso pagar uma quantia para agilizar um ou mais exames de alto custo, e pedem o depósito do valor na conta de uma pessoa física. A assessoria jurídica da unidade hospitalar já registrou Boletim de Ocorrência na 4ª Delegacia Distrital de Polícia de Goiânia.

De acordo com o Idtech, organização social que administra o HGG, cerca de quatro pacientes já entraram em contato com o hospital para informar o golpe e, nenhum acreditou na conversa dos golpistas.

O HGG divulga em seus canais de comunicação, como no Manual do Paciente e jornal A Voz do Hgg, e em reuniões que antecedem às visitar da UTI, alertas sobre estes possíveis contatos de estelionatários.

O Idtech ressalta que nenhum valor pode ser cobrado nos procedimentos do Sistema Único de Saúde (SUS). Como o HGG é um hospital 100% SUS, esta prática é totalmente ilegal.

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA