logomarcadiariodegoias2017

Secretário de Segurança Pública, Ricardo Balestreri. (Foto: Jota Eurípedes)
balestreri foto jota euripedes

O secretário de Segurança Pública e Administração Penitenciária do Estado de Goiás, Ricardo Balestreri, colocou o Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia imediatamente à disposição do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) ao tomar conhecimento da determinação da presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, para vistoria do presídio.

Assim que soube da decisão, Balestreri telefonou para o presidente do TJ-GO, desembargador Gilberto Marques Filho, a quem comunicou que o presídio está aberto para a vistoria a qualquer horário. O Tribunal marcou a vistoria para quarta-feira (3), às 8h30.

O Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia passou por revista padrão, como se faz normalmente nas operações prisionais, em outubro deste ano.

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA