logomarcadiariodegoias2017

Ilustração Foto: PRF-GO
prf operacao independencia foto prf
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) inicia nesta Sexta-feira (22), em todo o país, a Operação Integrada Rodovida 2017/2018. Principal ação de enfrentamento à violência no trânsito brasileiro, a operação seguirá até 18 de fevereiro e abrangerá o período das férias escolares, festas de Natal, Ano Novo e Carnaval, feriados marcados pelo aumento no fluxo de veículos e de passageiros.

Desde 2011 a operação Rodovida reúne esforços da União, Estados e Municípios em ações simultâneas e integradas com o objetivo de reduzir o número de vítimas de acidentes. Trata-se de uma ação do governo federal, comandada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da PRF, com apoio da Presidência da República, Casa Civil e dos ministérios das Cidades, da Saúde e dos Transportes.

Durante o período da operação, a PRF intensificará as ações de fiscalização, focadas principalmente para coibir as condutas de ultrapassagens irregulares, excesso de velocidade, consumo de álcool, atropelamento de pedestres e trânsito irregular de motocicletas.

Em paralelo às ações de fiscalização da Polícia Rodoviária Federal e instituições de segurança pública os ministérios da Justiça, das Cidades, dos Transportes e da Saúde promoverão companhas publicitárias de conscientização em todo o Brasil.

Edição de 2016

Na última operação Rodovida, no período de 16 de dezembro de 2016 a 31 de janeiro de 2017, e 17 de fevereiro de 2017 a 05 de março de 2017, mais de 60 mil pessoas foram fiscalizadas somente nas rodovias federais que passam por Goiás, esforço que resultou em um total de 34.282 autuações, sendo 387 por embriaguez, 2.421 ultrapassagens irregulares e 158 por falta de uso de cadeirinha. Os nove radares da PRF em Goiás flagraram 22.664 motoristas que dirigiam acima da velocidade permitida na via.

Como resultado do trabalho realizado houve queda nos índices de acidentes, mortos e feridos quando se comparam os números registrados nas operações Rodovida de 2015/2016 e 2016/2017 em Goiás. No primeiro período ocorreram 798 acidentes com 182 feridos graves, já no segundo foram 586 acidentes e 129 feridos graves. O número de mortos caiu de 47 para 31 na edição anterior.

Ações direcionadas

A partir de análises de estatísticas de acidentes de trânsito, a PRF busca otimizar a fiscalização e o patrulhamento de trechos reconhecidamente críticos, considerando fatores como horários e dias de maior incidência de eventos, e promovendo ações com maior impacto preventivo, como distribuição de policiais, rondas e fiscalização com radares e etilômetros.

Apesar de prever operações integradas em pontos pré-determinados, a Operação Rodovida não causará prejuízo nas fiscalizações rotineiras realizadas pela instituição em todo território nacional. É importante ressaltar que policiais rodoviários federais trabalham diuturnamente nos trechos apontados como críticos durante todo o ano, provocando a migração desses pontos pela redução da gravidade dos acidentes.

Leia Mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA