logomarcadiariodegoias2017

Trecho da Marginal Botafogo foi interditado após desmoronamento (Foto: Diário de Goiás)
marginal botafogo desmoronamento

Equipes da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seinfra) já começaram a fazer os reparos da pista da Marginal Botafogo no sentido Norte/Sul, nas proximidades do Parque Mutirama, perto da ponte da Avenida Araguaia, no Setor Central em Goiânia. A via foi totalmente interditada, logo após o horário de pico. Parte da via ficou destruída após desmoronamento provocado pela forte chuva que caiu na tarde da última quinta-feira (14). Em entrevista ao Diário de Goiás, o secretário de Infraestrutura Fernando Cozzetti disse que se chover pouco, são necessários no mínimo sete dias para fazer o reparo.

“Logo ontem quando ocorreram as chuvas, estivemos aqui no local e identificamos que há uma ruptura no fundo e a parede desabou. Agora é correr contra o tempo, levantar a parede, fixar ela e fazer o reparo. Eu acredito que se contarmos com poucas chuvas fazemos em uma semana, conseguimos terminar e concluir o serviço”, afirmou.

A previsão para os próximos dias é de que ocorra mais chuvas. A tendência é que haja atraso neste prazo. “O problema é esse, hoje já tem previsão de chuvas. Mas nós vamos trabalhar. O trânsito aqui é pesado, Goiânia não consegue mais conviver mais sem essa marginal. A nossa atuação aqui será bem rápida”, declarou.

<>

Fernando Cozzetti avaliou que o problema é mais simples do que em outras oportunidades. Vale ressaltar que a Marginal ficou fechada no mês de julho para reconstrução das paredes de canalização do córrego, em um ponto situado pouco abaixo de onde houve o desmoronamento.

“Acredito que com uma semana, já consigamos terminar. Aquela intervenção houve um rompimento total da parede tivemos que fazer um muro de pedras e gabiões, este está mais fácil e só recuperar a parede e a erosão”, explicou.

Vale ressaltar que no dia 30 de outubro de 2016 o trecho de marginal que desmoronou nesta quinta (14), também apresentou problemas. A marginal ficou fechada durante alguns dias e houve um reparo na pista.

Sentido oposto

Num espaço de aproximadamente 30 metros de distância, no sentido contrário ao interditado, houve um desmoronamento menor. O secretário Fernando Cozzetti informou que o reparo também será feito, mas sem a necessidade de uma interdição total.

Longo Prazo

Ao Diário de Goiás, o secretário explicou que a Seinfra está preparando um projeto para reestruturar toda a marginal, avaliando a capacidade de armazenamento de água, entre outras intervenções.

“Nós já estamos preparando a licitação de um projeto, acredito que ocorra no mês que vem para poder reanalisar toda a marginal, fazer um projeto para recuperação estrutural, avaliar a capacidade de armazenamento de água”, relatou.

Risco

O porta voz da Defesa Civil de Goiânia, Valdson Batista informou a reportagem que durante duas horas choveu 25% esperado para todo o mês de outubro. Ele reforça o alerta para outras áreas de risco da capital. Valdson informou que apesar do grande volume de água, não houve grandes danos nas áreas catalogadas pela Defesa Civil.

Leia Mais

Chuva em Goiânia provoca alagamentos e prejuízos

Desmoronamento interdita parte da Marginal Botafogo; restauração começa nesta sexta, 15

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA