Marconi Perillo participou de reunião com Michel Temer nesta quarta, 22. (Foto: Marcos Corrêa)
marconi reuniao com michel temer foto marcos correa

O governador Marconi Perillo participou, na manhã desta quarta-feira (22), no Palácio da Alvorada, em Brasília, de reunião dos governadores com o presidente Michel Temer, para discutir assuntos relacionados ao encaminhamento da reforma da previdência. É consenso entre os governadores e o governo federal que essa é uma reforma fundamental, tanto ao governo federal como aos estados e municípios, para que tenham condições melhorar suas contas, diminuir suas dívidas e investir em obras e em ações que melhorem a vida dos cidadãos.

O presidente Temer vem afirmando constantemente que a proposta de reforma da Previdência, atualmente em tramitação no Congresso Nacional, vai evitar o colapso das contas públicas e garantir o pagamento de benefícios e de salários do setor público.

Para o governador Marconi, Goiás hoje despende anualmente R$ 2 bilhões para complementar a folha de aposentados e pensionistas do Estado. “É um recurso que custeia o déficit previdenciário, mas que poderia ser utilizado para investimentos em obras nas áreas da Saúde e Educação, dentre outras.

Ele afirmou que há uma demagogia enorme em relação à questão da reforma da Previdência, já que a discussão não tem exposto números que precisam ser debatidos, como o fato de que 55% de tudo o que é arrecadado pelo governo federal é destinado ao pagamento dos gastos da previdência. Criticou, também, a disparidade do valor que é pago para um grupo privilegiado de trabalhadores em detrimento do que é pago à maioria dos brasileiros que estão aposentados ou que recebem pensão.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA