evento ptc 06.11

Durante evento na manhã desta segunda-feira (6), no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, o governador de Goiás Marconi Perillo e o vice-governador, José Eliton, anunciaram a nova estruturação da Polícia Técnico-Científica do Estado de Goiás.

Foram apresentadas as Seções de Patologia Forense e de Psiquiatria e Psicologia Forense, do Núcleo de Inteligência Estratégica e dos Laboratórios de Criminalística Especializados. Com isso, a Superintendência da Polícia Técnico Científica passa a ter seis novos núcleos regionais em Posse, Caldas Novas, Goianésia, Porangatu, Campos Belos e Mineiros. A quantidade de núcleos subiu de 14 para 21 unidades.

Com a nova Seção de Patologia Forense, os exames, antes terceirizados, passarão a ser feitos em Goiânia, no laboratório, localizado na sede da SPTC, no Setor Cidade Jardim. A Seção de Psiquiatria e Psicologia Forense, por sua vez, realizará avaliações psiquiátricas e psicológicas, de acordo com as demandas judiciais.

No âmbito da psiquiatria, serão realizados exames de sanidade mental, interdição, responsabilidade penal, anulação de ato jurídico, avaliação de periculosidade, além de perfil psíquico de pessoa morta. Já no âmbito da psicologia, um exemplo da relevância do serviço a ser prestado é o da perícia psicológica em casos de estupro de vulnerável, quando não á marcas físicas.

“Não se faz mais segurança pública com amadorismo, mas sim com conhecimento científicos, boas técnicas e boas práticas”, disse o titular da Secretaria de Segurança Pública, Ricardo Balestreri. Na ocasião, ele ainda ressaltou que Goiás é o único estado do país que derruba 12 índices de criminalidade. 

Leia mais sobre:

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA