marconi perillo residencial nelson mandela

O governador Marconi Perillo e o ministro das Cidades, Bruno Araújo, entregaram os primeiros 400 apartamentos do Residencial Nelson Mandela, no Vera Cruz II, Região Oeste de Goiânia, na manhã desta segunda-feira (30), de um total de 1.616 unidades que engloba o complexo habitacional. O prefeito de Goiânia, Iris Rezende, participou e elogiou o trabalho de Marconi.

O governador pontuou que em Goiás “já foram construídos”, em parceria com a Caixa Econômica Federal e prefeituras, “quase 300 mil casas e apartamentos”, e que a meta para o Residencial Nelson Mandela, após a entrega dos 1.616 imóveis, até o final deste ano, “é chegar aos cinco mil apartamentos”. Sobre a transparência na escolha dos beneficiados, explicou que o sorteio dos apartamentos “foi feito na sede do Mistério Público para que não restasse dúvida a respeito da lisura do processo. Não teve indicação. Vocês foram abençoados por Deus que os escolheu para receberem esses apartamentos”, e frisou que é gratificante, como gestor, “fazer o bem para que as pessoas vivam mais felizes”.

 Parceria - Os imóveis foram construídos por meio de parceria do Governo do Estado (Cheque Mais Moradia), que investiu mais de R$ 24 milhões, com a Caixa (Fundo de Arrendamento Residencial - FAR). Os apartamentos estão divididos em blocos de quatro andares, sendo quatro por andar. São de 42,9 m², e têm dois quartos, sala, cozinha, área de serviço e banheiro. “Nós tomamos uma decisão. Vamos anunciar mais moradias para Goiás e para o restante do país na próxima semana. Aqui em Goiás as coisas funcionam e as parcerias sempre dão certo. A prova é que o Estado cresce acima da média nacional”, disse o ministro Bruno Araújo ao explicar que “o Governo Federal investiu R$ 120 milhões no empreendimento, num terreno doado pelo Governo do Estado”. O ministro, por meio da construtora responsável pela obra, sorteou, entre as famílias presentes, a mobília completa de um apartamento.

 O prefeito Iris Rezende lembrou que “Goiânia é única cidade do Brasil, com mais de 1 milhão de habitantes, que não tem favelas”. Ele destacou que “a casa própria dá dignidade às pessoas e que Deus está sorrindo para todos aqui presentes por esse momento tão sublime”, e disse que a atitude do governador Marconi Perillo de construir o Residencial Nelson Mandela “alegra o coração de Deus” porque ele, Marconi, como político, “está cumprindo o propósito para o qual foi escolhido”.

 A superintendente da Caixa em Goiás, Marise Fernandes, disse que “sem o aporte do Governo de Goiás, por meio do Cheque Mais Moradia, nós não estaríamos aqui entregando esses primeiros 400 apartamentos. O envolvimento do governador Marconi Perillo foi decisivo para que esse sonho se tornasse realidade”. O vice-governador Zé Eliton ressaltou que contemplar famílias mais pobres com imóveis de qualidade “é uma ação que protege quem mais precisa, que gera no coração de cada um de nós a certeza de que estamos construindo um futuro melhor para todos”.

 O presidente da Agehab, Luiz Stival, assegurou que "até dezembro o governador vai entregar todas as unidades porque a obra está 100% concluída, faltando apenas a parte burocrática com a prefeitura e os detalhes técnicos para a entrega dos apartamentos". Ele explicou ainda que "as primeiras famílias contempladas já estão autorizadas a fazer a mudança".

 Família contemplada - A costureira Alcineide Pereira Borges (30 anos) está contando os dias para fazer a mudança. "Eu fiquei sabendo das inscrições pela televisão e não perdi tempo. Deus me abençoou e agora eu vou poder morar num apartamento novo com a minha filha. Até a creche eu consegui bem pertinho da minha casa", contou a costureira que antes pagava R$ 350,00 de aluguel, e agora vai pagar apenas R$ 100,00, aproximadamente, de prestação. "A vantagem é que o apartamento é meu e eu vou ter mais segurança, porque tem portaria e vigilância", comemorou Alcineide.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA