Divulgação/Corpo de Bombeiros
aviao bombeiros

Uma aeronave do Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, que seguia para a Chapada dos Veadeiros, fez uma aterrissagem forçada no Aeródromo de Alto Paraíso (GO), no fim da manhã deste sábado (28), por volta das 11h. O avião chegou a rodar e sair da pista.

Cinco militares do Corpo de Bombeiros, entre eles, o comandante-geral do Corpo de Bombeiros do DF, Hamilton Santos Esteves Júnior, seguiam para a Chapada, em Goiás, que sofre com o maior incêndio de sua história. Ninguém ficou ferido.

Conforme publicado no jornal O Popular, o grupo saiu de Brasília em direção a Alto Paraíso para se encontrar com os governadores de Goiás e do Distrito Federal, respectivamente, Marconi Perillo (PSDB) e Rodrigo Rollemberg (PSB). As autoridades sobrevoaram a região da Chapada dos Veadeiros para acompanhar o combate ao fogo na região.

O incêndio, com repercussão mundial, devasta a Chapada dos Veadeiros há 11 dias. Segundo o chefe do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, Fernando Tatagiba, a chuva que caiu na região ontem (27) não atingiu a área afetada pelo fogo.

Este é o maior incêndio de toda a história do parque. Mais de 60 mil hectares já foram atingidos pelo fogo, o que representa mais de 25% da extensão total da reserva.

Leia mais:

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA