debora latrocinio

Na manhã desta quinta-feira (26), a Polícia Civil apresentará um trio suspeito de assassinar Débora Regina Garcia Canuto de 26 anos, durante uma tentativa de um assalto. O crime aconteceu no dia 11 de setembro, no Parque Anhanguera, em Goiânia.

Segundo informações da Polícia Civil, um envolvidos contou aos policiais que foi convidado pela dupla a participar de assaltos. Ele também afirmou estar arrependido do crime.

Informações preliminares apontam que momentos antes do crime, Débora conversava com um grupo de amigos, na porta da casa de um deles, na Rua Carlos Gomes, no Parque Anhanguera. Os assaltantes que estavam armados se aproximaram do grupo, que se assustou e correu para tentar entrar na residência. Por causa da reação do grupo, um dos homens disparou contra Débora, que foi baleada no abdômen e morreu em seguida.

Imagens de câmeras de monitoramento da rua auxiliaram na identificação dos suspeitos.

Veja o momento do assalto abaixo:

Na manhã desta quinta-feira (26), a Polícia Civil apresentará um trio suspeito de assassinar Débora Regina Garcia Canuto de 26 anos, durante uma tentativa de um assalto. O crime aconteceu no dia 11 de setembro, no Parque Anhanguera, em Goiânia. Informações preliminares apontam que momentos antes do crime, Débora conversava com um grupo de amigos, na porta da casa de um deles, na Rua Carlos Gomes, no Parque Anhanguera. Os assaltantes que estavam armados se aproximaram do grupo, que se assustou e correu para tentar entrar na residência. Por causa da reação do grupo, um dos homens disparou contra Débora, que foi baleada no abdômen e morreu em seguida. Leia mais em: www.diariodegoias.com.br

Uma publicação compartilhada por Diário de Goiás (@diariodegoias) em

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA