foto renato marconi ze eliton

O governador Marconi Perillo formalizou nesta segunda-feira (25), no Palácio Pedro Ludovico Teixeira, o repasse das primeiras e segundas parcelas dos convênios do Programa Goiás na Frente, firmados entre o Governo de Goiás com 56 prefeituras. Com os cheques entregues hoje, já são mais de 100 municípios contemplados com recursos do Goiás na Frente. Outros 177 processos estão em fase de análise, segundo informações da Secretaria de Governo. O Auditório Mauro Borges ficou completamente lotado de prefeitos e lideranças do interior do Estado. De acordo com Marconi, o Goiás na Frente está aquecendo a economia e gerando empregos, gerados a partir das obras.

“Criamos este programa para tirar o Brasil do atoleiro em que ele se encontra. Só com obras e com investimentos, que nós vamos retomar os empregos. Observe que nestes últimos sete meses, Goiás teve saldo positivo mês a mês. Ficamos agora no acumulado do ano no terceiro lugar em geração de empregos no Brasil, perdendo apenas para São Paulo e Minas Gerais. Esse último mês, São Paulo, Santa Catarina e Goiás. Quarenta e sete mil empregos líquidos gerados, de saldo positivo”, observou. Para o governador, o ranking teve “impacto direto” pelos postos de trabalhos gerados pelas obras. “Qual foi a primeira área geradora de empregos? Construção. É claro que o Goiás na Frente impactou este ranking, afinal de contas se você anda para qualquer lugar tem obras de reconstrução, de construção, de manutenção, e também obras nas cidades, frutos dos convênios”, frisou Marconi. Presidente da Associação Goiana dos Municípios (AGM), Paulo Sérgio Rezende, o “Paulinho”, que é prefeito de Hidrolândia, afirmou na solenidade que os prefeitos estão “muito agradecidos” com a mão estendida do governo estadual.

“Agradecidos com a sensibilidade do governador Marconi Perillo. E se eles estão agradecidos, o povo que os elegeu também está. É um recurso muito importante para os prefeitos que estão começando agora, que estão com muita dificuldade, e talvez não conseguiriam reunir um recurso como esse”, declarou. O secretário de Governo, Tayrone Di Martino, que coordena os convênios com as prefeituras, lembrou da importância dos deputados estaduais, para que Marconi pudesse acumular recursos que estão sendo investidos. “O Goiás na Frente só foi possível por causa dos nossos deputados estaduais, que contribuíram muito no sentido de ajudar na assistência junto a essas prefeituras e, sobretudo, por ter votado a legislação necessária para que a gente pudesse ter recursos para investir nos municípios”, avaliou. O prefeito de Corumbá de Goiás, Célio Fleury (PSDB), afirmou que graças ao programa Goiás na Frente está sendo possível realizar a recuperação das vias urbanas da cidade. “Jamais o município, nesta situação que estamos enfrentando, daria conta de fazer uma recuperação de praticamente 90% das ruas de Corumbá de Goiás”, declarou. Já o prefeito de Itarumã, Ricardo Francisco (PMDB), destacou a importância dos repasses feitos pelo governador Marconi Perillo por meio do programa Goiás na Frente.

“Esse é um programa inovador que vem ajudar os prefeitos e as prefeituras nesse momento muito difícil que o país está passando”. “É possível fazer gestão com responsabilidade, com seriedade, ajudando a fomentar o processo de desenvolvimento”, afirmou José Eliton Coordenador geral do Goiás na Frente, o vice-governador José Eliton afirmou que, pelo que tem observado no interior do Estado, o Goiás na Frente, “está modificando a paisagem de diversos municípios goianos”. De acordo com Eliton, nos municípios onde as obras já estão sendo realizadas – “e já são vários” – ele observa a esperança dos moradores no fato de Goiás está superando bem a crise que abalou o País.

“A gente percebe que as pessoas observam com muita clareza que é possível fazer gestão com responsabilidade, com seriedade, ajudando a fomentar o processo de desenvolvimento, não só da Capital ou dos grandes municípios, mas de todos os municípios goianos”, frisou. Participaram também os deputados estaduais Francisco Oliveira, Eliane Pinheiro, Marlúcio Pereira, Karlos Cabral,  Nédio Leite, Virmondes Cruvinel; presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Joaquim de Castro; secretários de Estado Talles Barreto (fiscal das obras do GNF), João Gomes (Habitação), Sérgio Cardoso (Articulação Política), Francisco Pontes (SED), Luiz Stival (Presidente da Agehab), Luiz Siqueira (Gecom) e Lêda Borges (Cidadã).

  • Prefeito Romes Gomes e Silva, de Abadia de Goias – 1ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeita Iolanda Holiceni Moreira dos Santos, de Alvorada do Norte – 2ª Parcela R$ 300.000,00 
  • Prefeito Vandeilson Gonçalves Lima, de Amaralina - 2ª Parcela R$ 100.000,00 
  • Prefeito Renato Sirotto Carvalho, de Ápore - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Nauginel Antunes do Prado , de Aragoiânia – 1ª Parcela R$ 319.363,00 
  • Prefeito Rubens Batista de Queiroz , de Aurilândia - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Kelton Pinheiro, de Bonfinópolis -  2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Márcio Antônio Machado, de Brazabrantes - 1ª Parcela R$ 166.000,00 
  • Prefeito Geraldo Antonio Neto, de Cachoeira de Goiás - 2ª Parcela R$ 115.000,00 
  • Prefeito José Antônio Neto Siqueira, de Campo Alegre de Goiás - 2ª Parcela R$ 199.999,00 
  • Prefeito Marcos Antônio Carlos, de Castelândia - 1ª Parcela R$ 165.928,00 
  • Prefeito Rafaell Dias Melo, de Ceres - 1ª Parcela R$ 50.000,00 
  • Prefeito Artur Franco de Almeida Filho, de Cezarina - 1ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeito Rogério Pianezzola, de Chapadão do Céu - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Célio Fleury, de Corumbá de Goiás - 2ª Parcela R$ 180.000,00 
  • Prefeita Zilda de Rezende Araujo Machado, de Doverlândia - 2ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeito Francisco de Moraes, de Goianápolis - 1ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeita Ana Maria Ferreira, de Guarinos – 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Paulo Sérgio de Rezende, de Hidrolândia – 1ª parcela R$ 105.951,00 
  • Prefeito Haicer Sebastião Pereira Lima, de Iaciara – 2ª Parcela R$ 180.000,00 
  • Prefeito Naçoitan Araujo Leite, de Iporá – 1ª Parcela R$ 299.037,00 
  • Prefeito Ricardo Francisco Goulart, de Itarumã - 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Laerte Dourado dos Santos, de Jaupaci - 2ª Parcela R$ 130.000,00 
  • Prefeito Carlos Henrique Rodrigues Pereira, de Mairipotaba – 2ª Parcela R$ 120.000,00 
  • Prefeito Genivaldo Gonçalves dos Reis, de Mimoso de Goiás – 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Rogério Troncoso, de Morrinhos - 1ª Parcela R$ 399.999,00      
  • Prefeito Hélcio Alves de Oliveira, de Mundo Novo de Goiás – 1ªParcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Jonas Luiz Guimarães Júnior , de Mutunópolis – 1ª Parcela R$ 129.654,00 
  • Prefeita Patrícia Amaral Fernandes , de Nova Veneza - 2ª Parcela R$ 188.333,00 
  • Prefeito Sebastião Maria Sabino, de Novo Brasil - 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Joaquim Augusto Marçal, de Orizona - 2ª Parcela R$ 350.000,00 
  • Prefeito Vando Vitor Alves, de Palmeiras de Goiás – 1ª Parcela R$ 299.825,00 
  • Prefeito Eladir de Paula Ribeiro , de Palmelo - 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Eric de Melo Silveira, de Piranhas - 1ª Parcela R$ 224.999,00 
  • Prefeita Cleide Aparecida Veloso, de Pires do Rio - 1ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeito Pedro João Fernandes, de Porangatu - 1ª Parcela R$ 500.000,00 
  • Prefeito Wilton Barbosa de Andrade, de Posse – 2ª Parcela R$ 499.192,00
  • Prefeito Geraldo Antonio Cavalvanti, de Professor Jamil - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Gilmar Alves da Silva, de Quirinópolis - 1ª Parcela R$ 300.000,00 
  • Prefeito Frederico Gonçalves Vidigal, de Rialma - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito José Carlos Lopes, de Rianápolis - 1 ªParcela R$ 190.758,00 
  • Prefeito José Luiz Fernandes, de Rubiataba - 2ª Parcela R$ 200.000,00 
  • Prefeito Wagner Vaz da Silva, de Santa Bárbara de Goiás – 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeita Maria Erly da Silva Siquera, de Santa Fé de Goiás - 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeita Sirleide Ramos Ferreira, de Santo Antônio da Barra – 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Frederico Marques de Oliveira, de Santo Antônio de Goiás – 2ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito João  Batista de Figueredo Neto, de São João da Paraúna - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Nelio Pontes da Cunha, de São Miguel do Araguaia – 1ª Parcela R$ 300.000,00 
  • Prefeito José da Silva Faleiro, de Silvânia - 1ª Parcela R$ 200.087,00 
  • Prefeito Weber Reis Lacerda, de Sítio D'Abadia - 1ª Parcela R$ 166.666,00 
  • Prefeito Helio Gontijo de Oliveira, de Taquaral de Goiás - 1ª Parcela R$ 245.115,00 
  • Prefeito Josaquim Miranda, de Teresina de Goiás -  1ª Parcela R$ 120.000,00 
  • Prefeito Ailton Neri Amorim, de Uirapuru - 1ª Parcela R$ 150.000,00 
  • Prefeito  Valmir Pedro Tereza, de Uruaçu - 2ª Parcela R$ 150.000,00 
  • Prefeito Neilton Ferreira de Ozeda, de Vicentinópolis - 1ª Parcela R$ 200.000,00 

TOTAL DE RECURSOS ENTREGUES HOJE – R$ 11.079.894,00

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA