José Eliton na abertura do Governo Junto de Você. (Foto: Jota Eurípedes)
jose eliton no gjv foto jota euripedes

Em sua mais contundente manifestação pública este ano na defesa do que qualifica como a “política do bem”, o vice-governador Zé Eliton disse neste sábado (23) que “se for para usar o microfone para xingar alguém, prefiro ficar fora da vida pública”.

Numa referência ao discurso de segmentos das oposições, Zé Eliton, apontado como o principal nome da base aliada para a disputa do governo em 2018, afirma que “a política de ódio e xingamentos é coisa de pessoas atrasadas”

O vice-governador lamentou o comportamento de agentes públicos que atuam na via da desconstrução. “É triste ver que existem pessoas que só sabem ir para a televisão falar mal dos outros”, diz. “Será que essas mesmas pessoas já fizeram algo que, de fato, ajudasse o Estado?”, indaga ele.

“Fico muito feliz por fazer a prática do bem que constrói um futuro melhor para nossa população”, destaca Zé Eliton. Segundo o vice-governador, a ação pública somente é produtiva “quando usada enquanto ferramenta para boas transformações”. 

“Quero continuar fazendo a política que ajuda as pessoas e constrói boas práticas para que Goiás continue sendo cada vez mais referência para o Brasil”, assegura Eliton.  

O vice-governador também lembrou que, graças a esse espírito de boas práticas, o estado conta com o maior programa de investimentos do Brasil, o Goiás na Frente.

“São grandes e importantes obras estruturais conjugadas com a prestação de serviços e políticas de proteção social à população”, diz Zé Eliton sobre o programa.  “O governador Marconi Perillo e eu sempre nos preocupamos em garantir que essas duas vertentes caminhem juntas para melhorar, cada vez mais, a vida dos goianos”, conclui ele.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA