Pedra fundamental foi lançada nesta segunda-feira (18). (Foto: Assessoria do Vice- Governador)
pedra fundamental emater

Foram lançadas oficialmente as obras do novo Centro de Inovação Rural da Emater (Centrer). A nova unidade está localizada na região norte de Goiânia, próximo ao Campus Samambaia da UFG. A previsão é que o novo complexo fique pronto até o final do ano que vem. Algumas ações já estão em andamento.

Segundo a Emater, as obras serão realizadas em etapas. Ainda no mês de agosto, foi iniciada a construção das unidades laboratoriais. Os processos para edificação da nova sede e para reforma do Centrer estão em estágio licitatório. A estimativa é que as obras sejam iniciadas no próximo trimestre.

A expectativa é que as unidades laboratoriais proporcionem o desenvolvimento de pesquisas nas áreas de fitopatologia e sementes, cultura de tecidos e biotecnologia, entomologia e controle biológico, solos e resíduos e biofábrica.

“Nós teremos cinco laboratórios que nós não temos hoje. Vamos poder fazer a incubação de startups, de mudas sadias, uma série de coisas, laboratórios de água e resíduos, entre outros que vai dar suporte para os programas de desenvolvimento da Emater. Esperamos que até o final de 2018 já tenhamos mudado para cá”, declarou o presidente da Emater, Pedro Arraes.

Além do Centrer, a sede da Emater também será transferida para área próxima do Campus Samambaia da UFG. A intenção do governo é que as unidades impulsionem a realização de pesquisas aplicadas, com foco na resolução de problemas enfrentados por produtores rurais goianos.

“Tivemos um projeto de planejamento que se iniciou em 2015. Nós estabelecemos uma linha de atuação na Emater para dar a ela a capacidade de realizar suas ações finalísticas com toda desenvoltura necessária, principalmente o fomento à agricultura familiar”, destacou o vice-governador de Goiás, José Éliton Júnior.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA