SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ajudante geral Diego Ferreira de Novais, 27, que havia sido preso na terça-feira passada (29) por ejacular em uma mulher dentro de um ônibus, foi detido novamente por volta das 8h da manhã deste sábado (2), após atacar outra mulher em um coletivo na avenida Brigadeiro Luís Antônio, na altura do n° 2.500.

Segundo a Polícia Militar, ele foi detido pelos passageiros do ônibus após suspeita de ato obsceno contra uma mulher.

Diego, a vítima e testemunhas deverão ser levadas para o 78º Distrito Policial (DP), nos Jardins.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA