marconi residenciais

Por determinação do governador Marconi Perillo, a Agência Goiana de Habitação (Agehab) trabalha na conclusão de 2.032 casas em dez cidades goianas. Em três delas, as obras já foram concluídas e, nas demais, estão mais de 90% prontas. O investimento nessas unidades habitacionais, por parte do governo estadual, é de R$ 23.727.000,00. Há também recursos federais, por meio da Caixa Econômica Federal.

As cidades em que as obras já foram concluídas são Monte Alegre de Goiás, Flores de Goiás e Alto Paraíso de Goiás. Em Monte Alegre, são 40 casas no Setor Lava Pé Mãe Maria, com investimento de R$ 200 mil. Em Flores de Goiás, também estão sendo entregues 40 unidades habitacionais, com investimento de R$ 200 mil. Já em Alto Paraíso, são 90 casas no Setor Cidade Alta, construídas com recursos estaduais da ordem de R$ 1.350.000,00. O governador Marconi esteve hoje no município, com a Caravana Goiás na Frente, e entregou à população essas unidades habitacionais, que têm energia solar fotovoltaica.

Em Paranaiguara, a Agetop trabalha na conclusão de 150 casas, com investimento de R$ 450 mil. As obras estão 90% concluídas. Na cidade de Palmeiras de Goiás, serão entregues 260 casas, no Residencial Maria Pires Perillo. O investimento do governo estadual é de R$ 3.458.000,00. As obras estão 95% finalizadas. No município de Morrinhos, 50 casas estão 95,64% prontas. Elas vão compor o Residencial Solar do Bosque II. O governo estadual investe R$ 250 mil nessas unidades.

Em Matrinchã, as 40 unidades habitacionais do Loteamento Santa Luzia estão 99% prontas, e já estão habitadas. Foram investidos R$ 200 mil pelo governo estadual. Guarinos vai receber 24 novas unidades habitacionais no Residencial Vale do Ouro, com investimento de R$ 120 mil. Na cidade de Guapó, são 300 casas, 98% concluídas, ao custo de R$ 579 mil para o governo estadual. Em Caçu, a Agetop finaliza a construção de 270 casas, com investimento de R$ 5,4 milhões pelo governo estadual. As obras estão 92% concluídas. Em Caldas Novas, serão 768 unidades habitacionais. As obras estão 97,06% concluídas. O governo estadual investe R$ 11.520.000,00.

Goiás na Frente Habitação - Além da conclusão das 2.032 casas nessas dez cidades, a Agetop trabalha na execução do programa Goiás na Frente - Habitação, que prevê a construção de 30 mil moradias populares nos 246 municípios goianos. O programa foi lançado por Marconi no dia 20 de julho. No lançamento, ele assinou convênio com os 56 primeiros municípios aptos a participar do programa por já terem apresentado as áreas para a construção das casas.

Essas cidades, que representam todas as regiões de Goiás, serão beneficiadas, inicialmente, com a construção de 10.253 unidades habitacionais, um investimento de R$ 1 bilhão. Marconi realizará missão comercial pelo Uruguai, Argentina e Paraguai dentre os dias 7 e 14 de setembro. Assim que retornar, uma de suas primeiras agendas é a vistoria das obras da Agehab.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA