marconi perillo cachoeira dourada O governador Marconi Perillo, o vice-governador José Eliton e a prefeita de Cachoeira Dourada, Dra. Natália Prates (PRB) assinaram, na tarde de hoje, convênio no valor de R$ 1 milhão dentro do programa Goiás na Frente. O recurso, segundo a prefeita, será totalmente utilizado para obras de recuperação asfáltica.

Centenas de pessoas acompanharam a cerimônia realizada em frente à Câmara Municipal, onde o governador também anunciou a construção de 150 casas populares na cidade. "Tão logo estas casas estejam prontas e entregues, o governo tem condições de autorizar mais unidades para Cachoeira Dourada", anunciou o vice-governador e coordenador do programa Goiás na Frente, José Eliton.

"Com esse programa, daremos um passo importante em nossas obras. Vamos fazer asfalto e terminar a construção de uma praça. Já ganhamos um ônibus de 60 lugares e recursos para a emergência do hospital além de uma ambulância. Temos muito a agradecer ao governador Marconi pelo que já conquistamos e pelo que ainda receberemos", discursou a prefeita.

No discurso, o governador falou de algumas obras estruturantes que estão sendo feitas na região dentro do programa Goiás na Frente. Destacou a reconstrução da rodovia até Inaciolândia. O trecho entre Inaciolândia e Gouvelândia já está pronto. Outro investimento é a pavimentação dos 31 quilômetros da GO-309, ligação entre Cachoeira Dourada e Itumbiara, cujas obras já foram iniciadas, segundo calendário da Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop). "Estamos construindo uma nova rodovia ao custo de R$ 50 milhões. Todo o dinheiro já está viabilizado", garantiu.

Em atendimento a pedido feito pela prefeita durante seu discurso, o governador autorizou a construção de uma nova Creche para Cachoeira Dourada. "Pode encaminhar o pedido a OVG que iremos viabilizar esta obra", comprometeu-se o governador.

A diretores da Enel, empresa gestora da usina de Cachoeira Dourada e da Celg que compareceram à cerimônia, o governador disse estar feliz com o trabalho que a empresa está desenvolvendo no Estado.  "É um gigante da energia no mundo. Em um ano está colocando R$ 3 bilhões em obras, melhorando subestações e redes para não termos mais problema com energia", finalizou. 

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA