oscar pipa goiania 
O mês de férias é um dos mais esperados pela garotada. As brincadeiras ganham mais espaço no dia a dia, seja em casa ou nas ruas, mas é necessário orientar as crianças sobre os riscos de algumas brincadeiras brincar perto da rede elétrica, como soltar pipas. O passatempo pode gerar graves acidentes, além de provocar o desligamento da rede de energia elétrica, causando prejuízos à população.  


Em 2017, já foram registradas aproximadamente 130 ocorrências provocadas por pipas, 84 delas só em junho, mês em que começa o período de ventos mais fortes em Goiás. Mas é no mês de julho que este número aumenta de forma preocupante. Em 2015 e 2016, a Celg registrou, respectivamente, 386 e 268 ocorrências apenas neste mês. Outro problema recorrente são as pipas que ficam presas na fiação causando transtornos durante todo ano, uma vez que estes restos de materiais podem provocar curtos-circuitos com interrupção de energia e danos aos equipamentos e cabos elétricos.
 
Dicas
 
• Soltar pipas perto da rede elétrica é muito perigoso. Elas podem enroscar nos fios com risco de descarga elétrica. Materiais metálicos também não devem ser utilizados na fabricação deste brinquedo, pois conduzem eletricidade, aumentando a chance de choque elétrico, podendo causar até a morte de uma pessoa. Por estes motivos, os pais devem orientar seus filhos a não encostar em qualquer objeto estranho que esteja pendurado à rede elétrica como fios, pipas, entre outros.
 
• O uso de cerol (pó de vidro com cola) oferece mais um risco: ele corta a camada de borracha que reveste os fios de alumínio ou de cobre, criando a situação de transferência de corrente elétrica. Comumente, provocam curto-circuito e em alguns casos até mesmo o rompimento dos cabos que pode causar um grave acidente com choque elétrico. Além disso, o uso de cerol também pode provocar acidentes com motociclistas.
 
• A população não deve tentar mexer em qualquer componente da rede elétrica, como a fiação aérea, por exemplo. Somente técnicos da distribuidora, treinados para este trabalho que exige o uso de equipamentos de segurança, estão aptos a manusear a rede elétrica. A Celg Distribuição orienta ainda que em casos de cabos partidos, os clientes devem manter-se afastados e avisar imediatamente a distribuidora pelo 0800 62 0196 ou demais canais de atendimento.

BUSCA