LEIA NO DG vermelhoO Hospital Materno Infantil (HMI) registrou dois óbitos da Unidade de Cuidados Intermediários Neonatal (Ucin), em decorrência de infecção multirresistente por Klebisiella Pneumoniae – bactéria comum em unidades fechadas com uso frequente de antibiótico.

Por meio de nota, a direção do HMI informou que os dois casos de morte foram confirmados por meio de hemocultura. Outros dois possíveis casos de infecção de recém-nascidos internados na Ucin e dois na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal da unidade encontram-se em análise.

De acordo com a nota, a unidade ressalta que, monitorado pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) do HMI, já foram adotadas as medidas de precaução e controle, no sentido de coibir a disseminação do microorganismo isolado.

Diante da situação, a direção da unidade hospitalar informa ainda que bloqueou preventivamente novas admissões nas áreas analisadas, até a limitação dos níveis aceitáveis do agente multirresistente, visando a segurança dos pacientes.

Leia mais sobre:

BUSCA