logomarcadiariodegoias2017

Pit dog foi removido no Setor Marista, no último dia 1° (Foto/Reprodução)
remocao pit dog goiania

O diálogo entre a Prefeitura de Goiânia e o seguimento dos pit dogs não teve avanço, após a reunião que suspendeu a remoção dos estabelecimentos na capital. De acordo com o presidente do Sindipit-dog, Ademildo Godoy, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia, Ricardo De Val Borges, prometeu um posicionamento sobre estudos do caso até esta sexta-feira (9).

Segundo Ademildo, a categoria trabalha para escrever um projeto de lei que regulamenta os pit dogs em Goiânia e espera um retorno da administração municipal, que disse ter aberto o diálogo para a construção de medidas que possam atender o segmento.

O caso

A Prefeitura de Goiânia havia iniciado na última quinta-feira (1º) uma operação para remoção de pit dogs que estavam irregulares conforme aos regulamentos da capital. O primeiro estabelecimento comercial a ser afetado estava localizado no cruzamento das Ruas 145 e 141, no setor Marista.

Segundo o Município, cerca de 70% dos pit dogs funcionam atualmente de forma irregular, sendo por falta de licença ou outros motivos. Na semana passada, a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Planejamento e Urbanismo (Seplam) informou que outros cinco estabelecimentos serão removidos nas semanas seguintes ao início da operação.

Leia mais:

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

SEARCH