logomarcadiariodegoias2017

Bernadinho foi alvo de ação da Procuradoria Eleitoral (Foto: Alexandre Loureiro- CBV)
bernadinho foto alexandre loureiro cbv

A Procuradoria Regional Eleitoral no Rio fez uma representação contra o técnico Bernardinho por suposta propaganda eleitoral antecipada. Ela tem como base palestras do possível candidato, notas em colunas de jornais e postagens em rede social.

De acordo com o Ministério Público Eleitoral, esta é a primeira representação do tipo no Estado. O órgão pede uma multa de R$ 25 mil ao treinador de vôlei.

A base da ação contra Bernardinho é uma palestra feita em outubro, num evento da Endeavor e Ernst & Young. Filiado ao Novo, ele foi instado a responder sobre quando o Rio teria "um governador empreendedor".

"Governador... Não sei nem se eu vou ganhar. O sistema é tão forte. [...] O [economista] Armínio Fraga me perguntou isso: 'O que você faz?' Eu monto times, monto equipes para realizar as coisas", disse ele.

"Aí eu pergunto: 'Você está comigo?' 'Não, eu tô contigo'. As pessoas falam: 'Tamo junto'. Mas se eu entrar não preciso de torcedor, preciso de jogador que venha para a quadra jogar", afirmou.

Na avaliação do Ministério Público, a declaração "demonstra cabalmente tratar-se de promoção pessoal, com o evidente intuito de pedir apoio ao eleitor".

Bernardinho tem a intenção de se candidatar pelo Novo. A assessoria do técnico disse ele não tem conta oficial em mídias sociais.

A página indicada na peça foi retirada do ar. Bernardinho não se manifestou.

(FOLHA PRESS)

Sugestões e críticas, mande um Zap para a Redação

whatsapp 512

62 9 9820-8895

+ SAIBA MAIS, PESQUISE NO DG

BUSCA