O Senado realizou na manhã desta segunda-feira (30) uma sessão solene para homenagear os 500 anos da Reforma Protestante.

A sessão foi presidida pelo senador José Medeiros (Pode-MT), e contou com a participação da senadora Ana Amélia (PP-RS). Cristóvam Buarque (PPS-DF) enviou uma mensagem de homenagem intitulada "Lutero: ética, inteligência e coragem".

O evento teve apresentação do coral da Igreja Presbiteriana de Brasília e a presença de representantes de diversas igrejas. Entre eles Armando Maurmann (Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil), reverendo Juarez

Marcondes Filho (Supremo Concílio da Igreja Presbiteriana do Brasil), José Inácio Ramos (Instituto Presbiteriano Mackenzie), Dalcido Gaulke (pastor Sinodal da Igreja Luterana). Também esteve presente o embaixador da Eslovênia, Alain Brian Bergant.

A data marca o aniversário das 95 teses criadas pelo ex-frade alemão Martinho Lutero, que provocaram um racha no cristianismo e deram origem ao que ficou conhecido como Reforma Protestante.

Os documentos escritos por Lutero dirigiam uma série de críticas à Igreja Católica, entre elas a de "mercado do perdão divino", que vigorava na época. (Folhapress)

Leia mais:

 

 

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA