eletrobras

O conselho do PPI (Programa de Parcerias em Investimentos) aprovou nesta quarta-feira (23) a proposta de privatização da Eletrobras.

Segundo o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, a partir de agora os estudos para a definição das regras da venda da estatal serão definidas.

Depois disso, o presidente Michel Temer dará o sinal verde para a venda.

A ideia, ainda segundo o ministro, é diluir a participação da União na Eletrobras por meio de uma emissão primária de novas ações da estatal. Para isso, a União não vai comprar novos papéis.

No entanto, continuará com uma ação especial que dará poder de veto em assuntos estratégicos.

Se a emissão inicial não for suficiente para isso, o ministro afirmou que as ações do governo poderão ser colocadas à venda diretamente. "Mas essa não é a expectativa inicial", disse Coelho Filho.

Leia mais:

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA