vassil 2017

Colunista

Vassil Oliveira

 

marconi perillo iris rezendeQuinta-feira, a cidade de Palmeiras torna-se capital de Goiás por um dia. Sexta, o bairro de Campinas é escolhido para sediar a administração de Goiânia por um dia.

Um dia de glória para duas localidades que carregam relevância histórica, mas que principalmente têm importância pessoal para os dois líderes que nas últimas décadas monopolizam a disputa pelo poder no Estado.

Palmeiras, ao completar 112 anos, é o berço familiar do governador Marconi Perillo (PSDB). Campinas, ao chegar aos 207 anos, é o berço político do prefeito Iris Rezende (PMDB).

"Goiás tem os olhos voltados para Palmeiras, que se tornou vitrine no Estado", comemora o governador.

“Quem me conhece sabe do amor que tenho por Campinas. Foi aqui que tudo começou”, festeja o prefeito.

A marca de Marconi transportada para Palmeiras é a que ele carrega no seu dia-a-dia: o mutirão de políticos. Ele vai, as lideranças vão atrás.

A marca de Iris levada a Campinas é a sua cara e o seu DNA político: o mutirão administrativo. Ele vai, o povo vai atrás.

Palmeiras e Campinas, ao receberem presentes idênticos um dia depois do outro, mostram que estão mais presentes do que nunca na história política goiana.

E a festa continua.

Leia mais sobre:

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA