vassil 2017

Colunista

Vassil Oliveira

 

Foto: Facebook Ronaldo Caiado
vassil caiado

O senador Ronaldo Caiado (DEM) participava das manifestações deste domingo em São Paulo quando foi questionado pela apresentadora da TV O Antagonista se poderia ser candidato a presidente da República.

A pergunta não é nova. Mas o assunto estava adormecido.

Ele, de novo, admitiu que pode, sim, ser candidato. E escolher o adversário dos sonhos: Lula (PT), claro.

Se estivesse participando das manifestações em Goiânia, ou em qualquer cidade do Estado, certamente a pergunta seria outra: será candidato a governador?

E também certamente a resposta seria sim.

Participando de manifestações sempre em São Paulo, Caiado consegue ser destaque na mídia nacional – e, de quebra, na estadual.

É uma estratégia.

Provavelmente ele avalia que o conjunto da obra – visibilidade, presença nacional etc. – vale mais que o questionamento sobre a escolha: por que não protestar na sua terra, e sim lá em São Paulo?

Caiado é um nome nacional, sem dúvida. E um nome de ponta no Estado.

É citado como candidato a presidente, como o é para governador. O que quer ser mesmo?

Em Brasília, Caiado fica entre dois amores.

 

Dois pés. Dois sonhos. Duas realidades. Duas pré-campanhas.

É uma estratégia.

Contato com a redação:
(62) 9 9820-8895

BUSCA