rafaela bessa

Colunista

Rafaella Bessa

 

rafablogUma pessoa se preparava para as tão sonhadas férias na Europa. Ligou às 13h. para o banco onde mantinha sua conta e ao ser atendido disse: busco informações sobre como comprar traveler"s checks, os famosos cheque de viagem. "Não tenho a mínima ideia", respondeu o atendente do call center do banco, alegando que era hora do almoço, o especialista em câmbio não estava na sala e, por isso, seria melhor ligar novamente depois das 15h. Ao se despedir, o atendente disse aquela frase padrão, que inclusive consta em muitas "URA Intelicon": "A sua ligação é muito importante para nós".

Essa cena repete-se com grande frequência em todo tipo de negócio: nas clínicas, quando os atendentes não estão a par das especialidades do médicos da casa; nas oficinas, quando o mecânico não sabe explicar porque o serviço vai demorar, nos pontos de vendas de uma grande empresa de telefonia, quando os vendedores desconhecem o funcionamento do equipamento novo e por aí vai!

Para evitar essas situações constrangedoras é preciso preparo, pergunte, descubra tudo o que puder sobre a atividade do local onde você trabalha. Quando não souber de algo, reconheça e garanta ao cliente que em breve você voltará com a informação solicitada. E CUMPRA O PROMETIDO. O cliente vai amar e jamais esquecerá a sua sinceridade e o seu empenho.

Enfim, queira sempre ESTAR ENTRE no mínimo, OS 10 MELHORES PROFISSIONAIS da sua área. Não fique ESPERANDO QUE SÓ A EMPRESA O CAPACITE. Seja o mais bem informado. Conheça com profundidade o seu trabalho, como os produtos, serviços, perfil, atividades e forma de atuar da sua empresa e etc ...

AQUI VÃO DICAS SIMPLES que podem potencializar a performance profissional e se colocadas em prática pode proporcionar CRESCIMENTO também:

  • 1) Leia revistas da sua área de atuação;
  • 2) Converse com profissionais bem sucedidos de outras empresas que executam seu serviço; pergunte o que ele fez ou faz de diferente que o tornou referência;
  • 3) Busque cursos, livros, materiais na internet sobre comportamento organizacional;
  • 4) Melhore sua oratória, seu português, sua escrita, sua aparência;
  • 5) Diga sempre para a direção ou líder os cursos extras que você tem feito nos últimos meses ou anos que agregaram conhecimento ao seu currículo;
  • 6) Não fique culpando a empresa do porque você não cresceu. Muitas delas, não tem seu plano de carreira escrito mas está bem claro e visível aos olhos de quem quer enxergar e seus passos não ascenderão porque a empresa deixou de dar-te a oportunidade mas porque você não evoluiu como pessoa no seu intelecto, ao ponto de se vender como a melhor opção para ocupar e exercer aquela função, pense nisto!

SAIBA TUDO SOBRE O SEU SERVIÇO!

Uma excelente semana para todos!

Rafaella Bessa.

Contato com a redação:
(62) 99625-9856

BUSCA